Dormir com fone de ouvido faz mal? Veja riscos e benefícios

Quando chega a hora de dormir, muitas pessoas recorrem a diferentes técnicas para relaxar e conseguir um sono tranquilo.

Uma delas é ouvir música ou sons relaxantes através de fones de ouvido. Mas essa prática comum tem gerado dúvidas: será que faz mal dormir com fone de ouvido?

Existem riscos e benefícios em adotar esse hábito noturno? E qual o impacto no sono e na saúde a longo prazo?

Se você também tem essas dúvidas, siga com a leitura deste artigo para explorar todos os aspectos do tema, incluindo vantagens e desvantagens.

Esteja preparado(a) para se surpreender!

Hábito é bastante comum, mas o que pouca gente sabe é que há algumas restrições

Dormir com fone de ouvido é uma prática bastante comum, principalmente entre os jovens.

Afinal, muitas vezes encontramos dificuldades para dormir e a música pode ser uma aliada para relaxar e acalmar a mente.

Porém, o que nem todo mundo sabe é que essa técnica possui algumas restrições e é importante estar atento(a) a elas para evitar possíveis riscos à saúde.

3 Mitos e Verdades Sobre Ouvir Música Antes de Dormir

Noites insones encontram um consolo silencioso na música. Ela acalma, provoca sensações e pode induzir ao sono. Mas será que ouvir música antes de dormir é realmente eficaz?

Existem regras para a playlist?

Vamos desvendar mitos e verdades sobre essa prática.

1- Ouvir música antes de dormir melhora a qualidade do sono?

Este é um mito desmentido pela ciência. Estudos mostram que ouvir música antes de dormir pode melhorar a qualidade do sono.

Não é apenas um acorde mágico que induz ao sono instantâneo, mas a variedade de músicas tranquilas que você gosta pode ajudar a dormir melhor e com menos interrupções.

Acalmando bebês, acalmando corações

Uma pesquisa realizada com bebês prematuros, utilizando tanto sons ao vivo quanto gravações, mostrou que as melodias contribuem para a função cardíaca e respiratória.

E, na terceira idade, adultos relataram melhorias na qualidade do sono desde a primeira noite em que incorporaram a música à sua rotina pré-sono.

2- Ouvir música antes de dormir ajuda a pegar no sono?

Sem dúvida. Diversos estudos afirmam que a música pode ser uma espécie de passaporte para o sono.

Adultos mais velhos, que sofriam de insônia, relataram uma redução significativa no tempo que levavam para adormecer após introduzir 45 minutos de música em suas noites.

Mulheres com sintomas de insônia relataram a mesma melhoria significativa após escutar músicas por 10 noites consecutivas antes de dormir.

Melhor que um sonífero

O poder das notas também foi testado em jovens e adultos, que passaram cinco noites consecutivas ouvindo músicas alegres, tristes ou ruídos rosas, para medir o impacto no sono.

O resultado?

Canções felizes ou tristes levam a uma melhoria na qualidade do sono, como também demonstraram reduzir o estresse e aumentar a satisfação na vida no dia seguinte.

3- Existe um tipo de música ideal para ouvir antes de dormir?

Sim e não. O estudo com jovens e adultos sugere que a qualidade do sono pode ser melhorada tanto por músicas alegres quanto tristes, em comparação com ruídos não musicais.

No entanto, a pesquisa não encontrou diferenças significativas entre as duas categorias musicais.

O que significa que a “música ideal” pode variar de pessoa para pessoa.

A harmonia do sono

Encontrar a melodia certa para sua noite depende mais de autodescoberta do que de regras. Prefira músicas que não despertem emoções fortes.

Relaxar é essencial para dormir bem, então escolha um álbum que te faça relaxar profundamente.

Playlist de sons para relaxar do Spotify

Lembre-se, a música deve complementar outras práticas saudáveis de sono, como desligar as telas e manter o ambiente fresco e escuro.

Prós:

1- O Cancelamento de Ruído Ativo X Passivo

Os avanços tecnológicos nos oferecem não só uma ampla gama de entretenimento auditivo, mas também melhorias no descanso. Fones de ouvido com cancelamento de ruído são cada vez mais acessíveis e eficazes em bloquear sons externos.

Mas qual a diferença entre o cancelamento ativo e passivo?

O cancelamento passivo, encontrado em modelos in-ear com isolamento acústico, bloqueia ruídos externos, sendo eficiente em ambientes urbanos.

Já o cancelamento ativo, presente em fones mais sofisticados, usa microfones para detectar e anular sons do ambiente.

Esta tecnologia é ideal para eliminar ruídos constantes, como o zumbido de aparelhos, proporcionando uma experiência de silêncio personalizada.

2- Sons e Histórias para Adormecer

Usar fones de ouvido antes de dormir pode ajudar quem tem dificuldade para dormir. Sons como meditações, histórias calmas e ruído branco ajudam a relaxar.

Isso permite uma transição suave para o sono, sem incomodar os outros, tornando o processo de adormecer mais agradável, especialmente após um dia de stress.

3- Isolamento de Sono Pacífico

Compartilhar o quarto pode ser complicado, especialmente quando se trata de respeitar o ciclo de sono de cada um.

Sons externos, mesmo que não pareçam incomodar, podem afetar a qualidade do nosso descanso.

Nesse contexto, os fones de ouvido surgem como uma solução.

Eles criam uma barreira sonora, protegendo sua paz e sono, sem afetar quem está no mesmo ambiente.

Dormir de fones pode não ser ideal para todos, mas para muitos, é uma prática que melhora significativamente a rotina de descanso.

Se você acha estranho dormir de fones, considere experimentar para melhorar seu sono. Pode ser a chave para acordar mais descansado.

Contras:

1- Acúmulo de Cera de Ouvido

O cerume protege o canal auditivo, mas fones de ouvido usados por muito tempo podem bloquear sua saída, levando a acúmulos que causam perda de audição temporária, desconforto e risco de infecções.

Para evitar isso, é importante manter a higiene do ouvido de forma segura, evitando objetos pontiagudos como cotonetes.

Prefira métodos suaves para a limpeza, como secar bem após o banho e usar remédios indicados por especialistas.

2- Risco de Infecções no Ouvido

Ao bloquear a saída de ar do ouvido, os fones de ouvido podem criar um ambiente úmido que favorece o crescimento de fungos e bactérias.

Essa umidade pode aumentar o risco de otite externa, uma infecção dolorosa que, em casos graves, pode causar perda auditiva.

Por isso, é essencial fazer pausas regulares no uso de fones para que o ouvido possa secar. Limpar os fones após uso prolongado também é crucial para prevenir infecções.

3- Prejuízo Auditivo Gradual

A audição é um sentido valioso que deve ser protegido.

O uso de fones de ouvido em volumes altos pode danificar permanentemente o nervo auditivo e causar problemas de audição a longo prazo.

Manter o volume abaixo de 60% e usar fones com cancelamento de ruído podem prevenir esses danos.

Usar temporizadores de áudio, que pausam a reprodução automaticamente, também ajuda a proteger os ouvidos, especialmente durante o sono.

4- A Incidência de Otite Externa

Comparativamente menos conhecida, a otite externa é uma inflamação do canal auditivo geralmente associada à exposição prolongada à umidade, algo comum quando se utiliza fones de ouvido por um longo período, em especial se houver suor.

Este problema pode tornar-se recorrente quando não se dá a devida atenção ao cuidado auditivo durante o sono.

Tais condições dos ouvidos podem ser evitadas ao adotar uma abordagem mais consciente em relação ao uso de fones de ouvido, incluindo a limpeza regular e a moderação nas sessões de reprodução.

O que fazer?

Ao utilizar fones de ouvido, é importante ter em mente que a saúde auditiva deve ser prioridade.

Comprar fones de ouvido que não fiquem muito encaixados profundamente no ouvido, fazer pausas regulares e manter o volume abaixo de 60% são medidas importantes para prevenir danos auditivos.

Também é essencial limpar os fones de ouvido regularmente e evitar compartilhá-los com outras pessoas para prevenir infecções.

3 Modelos de máscaras com fones para dormir

Ao invés de usar fones de ouvido comuns durante o sono, existem opções de máscaras especialmente projetadas para oferecer conforto e reprodução de áudio ao mesmo tempo.

Essas máscaras são feitas com tecidos macios e acolchoados que se ajustam ao rosto e possuem fones de ouvido embutidos, permitindo que o usuário durma confortavelmente enquanto ouve música ou outras formas de áudio.

Algumas dessas máscaras também possuem tecnologia de cancelamento de ruído para uma melhor experiência auditiva.

Veja abaixo 3 modelos de máscaras com fones para dormir que podem ajudar a prevenir a otite externa:

1- Máscara de dormir com música – LC-dolida

Máscara de dormir com música LC-dolida

2- Máscara para dormir com música – Lavince

Máscara para dormir com música - Lavince

3- Máscara para dormir com música – BENEWY

Máscara para dormir com música - BENEWY

Conclusão

O antigo hábito de dormir com fones de ouvido é controverso, apresentando tanto riscos quanto benefícios a serem considerados.

Embora possa parecer inofensivo e até benéfico para alguns, também existem perigos potenciais que podem surgir do uso constante de fones de ouvido ou auriculares antes de dormir.

Como exploramos neste post do blog, existem muitos mitos em torno deste tópico que precisam ser desmascarados, como a ideia de que ouvir música antes do sono pode melhorar nossa capacidade de descansar.

Também examinamos os prós e contras deste hábito, que vão desde distrações potenciais e danos à nossa audição, até nos ajudar a relaxar e descontrair após um longo dia.

Então, o que devemos fazer?

A resposta não é definitiva, pois depende fundamentalmente das preferências e circunstâncias individuais.

No entanto, se você escolher ouvir música ou ruído branco antes de dormir, certifique-se de seguir as melhores práticas, como usar dispositivos limitadores de volume e fazer pausas no uso de fones.

Afinal, existem fones de ouvido e máscaras especialmente projetados com alto-falantes embutidos que podem fornecer uma opção mais segura para aqueles que desejam incorporar som à sua rotina de hora de dormir.

Em última análise, a decisão é sua apenas lembre-se de priorizar sua saúde e bem-estar geral ao fazê-la.

Quão útil foi este artigo?

Clique em uma estrela para avaliá-la!

Classificação média 0 / 5. Contagem de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este artigo..

Deixe um comentário